ProCampo: criatividade de esquerda

O projeto PROCAMPO é uma boa idéia do Governo do Pará. Objetiva aproximar estudantes universitários da realidade ambiental, política, sócio-econômica e cultural do campo. Ao empreender esse contato político-antropológico, fomenta a pesquisa científica ligada às questões do homem e da mulher do campo e contribui para a construção de um modelo de desenvolvimento baseado na propriedade coletiva ou na pequena propriedade individual, que diversifica técnica e produção, agrega ciência e tecnologia, gera emprego e renda e protege o meio ambiente. O PROCAMPO quer desenvolver uma corrente urbano-rural permanente de defesa dos direitos humanos no campo e contribuir na promoção de políticas públicas de melhorias na qualidade de vida das comunidades rurais. Promovendo o contato direto entre estudantes, os agricultores e suas famílias e os movimentos sociais de resistência ao latifúndio e à destruição da floresta, alinha e anima interesses comuns entre universos paralelos, o dos estudantes e da juventude e o do homem e da mulher do campo. É um dos projetos de cunho político de maior teor criativo que já foi desenvolvido por governos populares em nosso país. O professor-Doutor Cláudio Puty, Secretário da Casa Civil e um dos entusiastas do Projeto, proferiu, dia 14, aula inaugural “Construindo a integração estudantil-camponesa”, na sede do Projeto, na Avenida Almirante Waldenkolk, 1487, em Belém. O logotipo e toda a comunicação visual do PROCAMPO é trabalho da Vanguarda Propaganda, com direção de criação de Chico Cavalcante e Direção de Arte de Márcio Beltrão.

Anúncios